Acéfalos: M L ST

quinta-feira, junho 8

M L ST

As siglas se confundem entre os rebeldes da nação.

Os polidos intelectuais descrevem as atitudes dos bárbaros miserávies de terroristas.

O terror que acomete os bárbaros todos os dias, um dia invade o mundo desinfecto e cristalino dos abastados.

Exclamações de horror, desaprovação, surpresa e indignação são ouvidos após um ohhh!
A pobreza, culpa de séculos de gestão oligárquica, sempre virá acompanhada da ignorancia, da rudeza, da urgência. Essas características foram sublimadas pelos tão civilizados 5% da nação e assistem estupefatos ao outro Brasil.

Mas quando a maioria aparece, ocorre o choque. E Jim Morrison canta:

"Os velhos envelhecem
E os jovens se fortalecem
Pode levar uma semana
E pode levar mais tempo
Eles têm as armas
Mas nós somos a maioria
Vamos vencer, sim
Estamos dominando
Vamos!"

A mídia fala que estas pessoas feriram a democracia.

Alguém contou para aquela massa o que é democracia?

Partimos do pressuposto que todos sabem o que é um sistema de governo. Mas uma coisa é certa:
Aquelas pessoas não sabem o que é democracia, e nunca participaram da tal democracia.

Os cidadãos há muito tempo falam:" Ah, se eu tivesse coragem jogava uma bomba no congresso e matava aquela corja toda!"

Agora quando algo do tipo acontece: Ohhh! que barbárie, coitado do Congresso!"
O que aconteceu foi uma identificação do ocorrido com suas propriedades privadas. O pensamento é: "Se deixam atacar de forma tão violenta um lugar tão protegido, que dirá minha casa."

E os cidadãos em sua postura passivo agressiva fala para si mesmo:"A polícia devia matar esses baderneiros". Atitude tão desmedida quanto a dos miseráveis no congresso.

Conclusão:
Cidadão: habitante de um estado livre, com direitos civis e políticos.
Democracia: sistema político fundamentado no princípio de que a autoridade emana do povo (conjunto de cidadãos) e é exercida por ele ao investir o poder soberano através de eleições periódicas livres, e no princípio da distribuição equitativa do poder.

As pessoas que atacaram o congresso nem são cidadãs, e nosso país nem é democrático.

Elas não foram até o congresso para depredar. Mas a truculência da sociedade assustada com a pobreza fez com que a massa agisse por instinto.

2 Comments:

Anonymous Tatolinux said...

bom, eu não endosso o ocorrido por não acreditar neste tipo de postura. A ação foi milimetricamente planejada, julgo que; se aqueles que estão à margem da cidadania tem capacidade de se organizar a ponto de arquitetar tão bem tal empreitada, passamos então a não poder livrar-lhes da responsabilidade de se mobilizarem também de outra forma, que não fosse tão abrupta, mas que se desse sim o levante popular, exigindo daqueles que nunca cansam de bradar que são nossas vozes, a tão sonhada jornada por uma sociedade mais justa.

6:39 AM  
Blogger Philip Leck said...

Muitos dos que estavam lá não estão à margem. Estão excluídos!
E são massa de manobra sim de outrem

7:48 AM  

Postar um comentário

<< Home